Antes de final contra o Flamengo, jogadores do Atlético-MG têm registros bloqueados pela CBF

 

O Atlético-MG tem preocupações de última hora, antes da final da Supercopa do Brasil contra o Flamengo. De acordo com informações do portal "UOL", a CBF bloqueou os registros de Guilherme Arana, Guga e Allan após ordem judicial dada por decisão favorável ao empresário André Cury contra o clube por cobrança de uma dívida de R$ 52 milhões.

A decisão foi da 39ª vara cível de São Paulo e o bloqueio consta no Sistema de Gestão Web da CBF. Apesar do bloqueio, ele não tem efeito nenhum quanto à escalação dos jogadores, que terão condições de entrar em campo para a final contra o Rubro-Negro, em Cuiabá. 

De acordo com o site, os efeitos da decisão se aplicam a transferências futuras dos três jogadores, sendo bloqueado o dinheiro delas para pagamento da dívida. Em contato com a "UOL", o Galo afirmou que não foi informado pela CBF sobre a decisão.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem