O Flamengo venceu o Vasco por 2 a 1, assegurou a segunda posição na classificação do Carioca, mas deixou a impressão no estádio Nilton Santos, no domingo, que poderia ter tido um desempenho melhor. Tanto coletivo quanto individual.

Contra o Vasco, a qualidade de Arrascaeta fez a diferença. Filipe Luís também foi bem. Mas, no geral, o time não teve muita criatividade para tentar furar o bloqueio vascaíno.

O Flamengo até começou bem a partida, com uma pressão na saída de bola do Vasco que deu resultado e fez o time controlar as ações sem ser ameaçado. Aos dez minutos, Filipe Luís abriu o placar de cabeça após cruzamento de Arão.


No terço final do primeiro tempo, o Vasco já começou a sair mais para o ataque e equilibrou um pouco a partida. No início da segunda etapa, aos cinco minutos, Andreas Pereira, pela perda da bola, e David Luiz, pela falta de combate, vacilaram no gol do Vasco.

Com o jogo novamente em igualdade no placar, o Paulo Sousa e o Flamengo tentaram muito, mas sem efetividade e criatividade para superar o bloqueio vascaíno. O técnico tentou Vitinho, Pedro, Marinho... Encheu o time de atacantes, mas foi a qualidade de Arrascaeta, que já atuava recuado, quase como um volante, que resolveu em chute preciso de fora da área.

O Flamengo terminou o jogo com a seguinte escalação: Hugo, Rodinei, David Luiz e Filipe Luís; Marinho, Gomes, Arrascaeta, Vitinho, Bruno Henrique, Gabigol e Pedro.



Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

mgid

mgid