O técnico Jorge Jesus, em entrevista ao "Bem, Amigos!", do Grupo Globo, que irá ao ar nesta segunda-feira, explicou a sua decisão de deixar o Flamengo e comentou sobre a boa relação com os atletas. Além disso, o treinador português deixou claro que é "um objetivo" treinar a seleção brasileira.

"Com os anos que vão passando não posso dizer que não vou treinar outro time no Brasil, e vou estar a vida toda à espera do Flamengo. Não vou. As oportunidades se fecham e se abrem. A princípio, essa minha decisão (de não treinar outros times) teve a ver com a minha relação com os atletas, mas no futuro isso não pode ter continuidade porque eu sou profissional e tenho que trabalhar", afirmou Jorge Jesus.
“Foi uma relação muito forte, não só esportivamente, mas socialmente. Desportivamente, é sempre um objetivo (treinar a seleção), uma vez que eu estive no Brasil e conheço o futebol brasileiro. Não seria um treinador que chegaria à Seleção sem conhecimento do futebol brasileiro. Mas não compete a mim decidir”, completou Jorge Jesus.

Na última semana, Jorge Jesus foi bastante criticado por ter manifestado o desejo de retornar ao Flamengo após afirmar que estaria aguardando o contato da diretoria rubro-negra “até o dia 20 (de maio)”. A declaração do técnico português não foi bem recebida pelos colegas de profissão, que demonstraram apoio ao atual treinador do Rubro-negro, Paulo Sousa.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

Anúncio