Chineses aceita empréstimo, e Oscar negocia com diretoria do o Flamengo


Oscar conseguiu a liberação do Shanghai Port, da China, para jogar no futebol brasileiro até dezembro de 2022. A GOAL apurou que o atleta está autorizado a assinar um contrato de empréstimo curto neste período. O Flamengo é o único clube que conversa com o brasileiro no mercado da bola. A informação foi inicialmente divulgada pelo jornalista Fabrizio Romano.

O empréstimo do jogador de 30 anos será gratuito. Portanto, o clube que o receber terá apenas que pagar salários, o que é o principal entrave. O jogador gostaria de faturar mais de R$ 1 milhão por mês durante a sua estadia no Brasil — o Fla tem mais de um jogador com salário neste patamar. Os cariocas negociam um valor inferior ao determinado no vínculo do atleta com o futebol chinês, que se encerra em novembro de 2024. Na Ásia, o salário de Oscar supera o de estrelas do futebol mundial. Ele está disposto a abrir mão de uma parte para atuar no Brasil.

Além dos vencimentos, há a necessidade de pagar luvas, direitos de imagem e comissão ao empresário. A negociação com o Flamengo ainda está está em estágio inicial, mas existe um otimismo em relação a um desfecho positivo pelo lado do atleta.

O Shanghai Port não aceita que o empréstimo tenha opção de compra com valor fixado. Os chineses têm a intenção de usar Oscar novamente a partir de janeiro de 2023. O atleta é tratado como uma estrela no futebol asiático.
Postagem Anterior Próxima Postagem