Gabigol relembra passado na Europa e comenta sobre possível saída do Flamengo


Em entrevista, o camisa 9 do Flamengo comentou sobre o período que passou pela Europa, destacando, especialmente, a sua mudança do Benfica para a Inter de Milão, por conta da concorrência.
"Foi um momento que eu tinha que ter ido embora, não me arrependo. Eu tinha 18 anos, sabia que tinha que passar por aquilo. Poderia ir para alguns times, mas optei pela Inter de Milão. Era um clube que estava começando a se reestruturar com um grupo chinês e um italiano… um ano atrás a Inter voltou a ser campeã italiana, e eu peguei o começo desse ciclo. Eu peguei um time que não estava encaixado, ainda jogava aberto pela direita… peguei um treinador holandês… para mim ,tudo foi muito novo e eu era muito novo. Foram muitas coisas que não fizeram dar certo. Poderia ter ficado mais um ano, mas optei de ir pro Benfica para jogar", disse Gabriel, antes de completar:
"Quando eu vi que tinha o Jonas e outros jogadores, e eles colocavam os jogadores da base para fazer venda e eu ficava sempre (no banco), eu falei que queria jogar. Tinha 19 anos, não poderia ficar parado. Poderia ter ficado na Europa, mas optei em voltar pro Santos, foi muito simples. Se eu quisesse ter voltado (para Europa), poderia ter voltado", finalizou Gabigol.
Após vencer o Corinthians na última quarta-feira (02), Gabigol e seus companheiros iniciam a preparação para os próximos compromissos. No sábado (06), o Rubro-Negro enfrentará o São Paulo, às 20h30 (horário de Brasília), no Estádo do Morumbi, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro.
Postagem Anterior Próxima Postagem