Bandeira de Mello critica atual diretoria e revela ‘solução’ para modernização do Clube de regatas Flamengo

Rodrigo Rodrigues


Presidente do Flamengo entre 2013 e 2018, o agora deputado federal pelo PSB, Eduardo Bandeira de Mello, criticou a atual diretoria rubro-negra e pregou modernização no departamento de futebol do clube. Apontado como um dos responsáveis por equacionar dívidas do Mais Querido, o ex-administrador de empresas estabeleceu condições para que Rodolfo Landim, atual mandatário rubro-negro, pudesse montar um time competitivo e conquistar títulos a partir de 2019.

— Para que o futebol seja indutor de políticas públicas, que ande de mãos dadas com a educação, por exemplo, porque isso vai ser bom para a educação e bom para o futebol. O sucesso da empreitada passa pela articulação entre sociedade civil, governo, Congresso, clubes e atletas, que são personagens centrais dentro de campo, mas, quase sempre, excluídas das discussões extracampo — explicou Bandeira em entrevista ao UOL neste sábado (11).

Na ‘Era Bandeira’, o Flamengo foi três vezes...

>CONTINUE LENDO<

#buttons=(Aceitar!) #days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saiba mais
Accept !