O jogo entre Sporting Cristal e Flamengo, pelo Grupo H da Libertadores, não será disputado nesta terça-feira. O governo peruano vetou a realização da partida no Estádio Nacional de Lima em razão do estado de emergência decretado na capital do país na noite de segunda.

O presidente do Peru, Pedro Castillo, fez um pronunciamento na noite de segunda decretando estado de emergência em Lima e Callao. presidente. Ele determinou um toque de recolher que teve início na madrugada e se estenderá até o último minuto desta terça-feira.

A Conmebol, às 19h22, fez o comunicado oficial da suspensão da partida.



Ao longo do dia, a Conmebol tentou de todas as formas manter o jogo nesta terça, em Lima. Uma das hipóteses cogitadas foi a realização da partida com portões fechados. No entanto, o governo peruano se manteve irredutível. O confronto entre Alianza Lima e River, marcado para quarta-feira, também corre risco de não ocorrer.

A nova data para a realização da partida ainda está indefinida. O confronto entre Sporting Cristal e Flamengo marcaria a estreia das duas equipes na fase de grupos da Libertadores. Elas estão no Grupo H, com Universidad Católica e Talleres.

Ao longo dos últimos dois anos, a Conmebol fez todos os esforços possíveis para não adiar jogos das competições sul-americanas, mesmo quando havia surtos de Covid nas equipes. Desta vez, a decisão do governo peruano surpreendeu a confederação, que precisará encontrar uma nova data para a partida em meio a um calendário ainda mais apertado do que o normal, por causa da realização da Copa do Mundo em novembro e dezembro.


Leia na íntegra o comunicado do Instituto Peruano do Esporte:

"Com relação ao jogo pela Copa Libertadores entre Sporting Cristal e Flamengo, programado para esta terça-feira, 5 de abril, no Estádio Nacional, o Instituto Peruano do Esporte (IPD) informa o seguinte:

1 - Está cancelado o espetáculo esportivo em virtude do disposto pelo Governo mediante o DS 034-2022-PCM, no qual se determina que "estão suspensos os direitos constitucionais relativos à inviolabilidade de domicílio, liberdade de trânsito no território nacional, liberdade de reunião e liberdade e segurança pessoais, compreendidos nos incisos 9, 11, 12 e 24 do artigo 2 da Constituição Político do Peru. Desde as 2h até as 23h59 da terça-feira, 5 de abril de 2022, é determinada a imobilidade social obrigatória de todas as pessoas em suas casas, em Lima e em Callao.

2 - Assim, não será possível jogar a partida da Copa Libertadores entre Sporting Cristal e Flamengo do Brasil, marcada para esta terça-feira, 5 de abril, no Estádio Nacional.

3 - O IPD, através da Direção Nacional de Segurança Esportiva, elaborou a ata de cancelamento e informou à Federação Peruana de Futebol, que pode coordenar a remarcação com os organizadores da Copa Libertadores 2022, até que as condições de segurança estejam garantidas, a imobilidade social obrigatória seja cancelada e se restabeleçam as garantias constitucionais na cidade de Lima."


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

mgid

mgid