anúncio


Após 11 rodadas, o Flamengo 
tem - ao lado de Athletico e América - o quarto pior ataque do Brasileirão, com 11 gols marcados. Os números, portanto, evidenciam que o time passa por problemas no setor ofensivo. Nesse sentido, um dos pontos que ajuda a explicar a baixa eficácia no ataque é o próprio posicionamento dos jogadores em campo.

De acordo com dados do site "FootStats", o Fla tem, empatado com outros times, a terceira maior marca de impedimentos da competição. Até aqui, o time já soma 23 - o que representa uma média superior a dois por partida.

Assim, fica claro que 23 jogadas ofensivas foram interrompidas pelo mau posicionamento dos atletas dentro de campo. Inclusive, os que lideram o Flamengo na estatística negativa são justamente os jogadores de frente: Gabi (oito); Bruno Henrique (seis); Arrascaeta (dois); Pedro (dois).

Um exemplo que mostra como o fato atrapalha a equipe ficou claro no jogo contra o Botafogo. Contabilizando o polêmico lance de Gabigol, o Flamengo teve oito impedimentos na partida - logo, oito jogadas ofensivas foram interrompidas por causa de posicionamento irregular.

Assim, este é um dos pontos que o recém-chegado técnico Dorival Júnior terá que corrigir no time para a sequência da temporada. Nesta terça-feira, o treinador comandará apenas o seu segundo treino no Flamengo.

Postagem Anterior Próxima Postagem

Anúncio tt