Dirigente recebe 'bomba' e negócio é cancelado de última hora no Flamengo


Depois de um início de ano complicado, a temporada de 2022 acabou tendo uma reviravolta e terminou de forma perfeita ao Flamengo, sendo campeão da Copa do Brasil e da Libertadores da América, além de e ficando em 5º lugar no Brasileirão. Essa situação fez com que os holofotes fiquem voltados ao time de Dorival Júnior, até mesmo pensando no ano que vem.

Porém, segundo o repórter Guilherme Silva, um negócio foi cancelado de última hora nos bastidores flamenguistas: a Havan, uma das marcas que patrocinaram o Mais Querido neste ano, decidiu que não irá renovar o vínculo para 2023. A empresa chegou a essa conclusão devido à instabilidade política e financeira que o Brasil atravessa.

Dessa forma, passando por essas dificuldades, a instituição está revendo todos os conceitos de investimentos no país. Essa situação, além dos cariocas, deve atingir outros clubes brasileiros, que também não terão o vínculo renovados com a empresa, como por exemplo o Brusque, que já recebeu o comunicado.

No Manto Sagrado, a marca vinha sendo estampada nas mangas, mas com essa saída já confirmada, o Rubro-Negro estará aberto às propostas de outras empresas. Mesmo que não tenha mais esse parceiro, que ajudava financeiramente, o Flamengo não vê nenhum problema, No entanto, isso não deverá ser um problema, ainda mais por ser um dos times mais populares do Brasil e ter pela frente sete competições a serem disputadas.


Postagem Anterior Próxima Postagem

Join