Críticas de Sampaoli são rebatidas por ex-preparador do Fla: 'Ele tenta escapar das responsabilidades

Rodrigo Rodrigues


 Em entrevista ao site GE, o preparador físico Mário Monteiro, que fez parte da comissão técnica do Flamengo durante a era Vítor Pereira, decidiu se pronunciar sobre as recentes críticas feitas por Jorge Sampaoli, atual comandante do Rubro-Negro. Monteiro defendeu seu trabalho e disparou contra o argentino, acusando-o de tentar fugir de suas responsabilidades.


Nos últimos pronunciamentos, Sampaoli não economizou palavras ao criticar o trabalho da equipe de Vítor Pereira, atribuindo aos profissionais portugueses a responsabilidade pela falta de intensidade da equipe flamenguista, bem como pelos problemas físicos enfrentados pelos jogadores.


No entanto, Monteiro discordou veementemente das declarações do argentino e afirmou que ele está tentando se eximir de suas próprias responsabilidades.


"Não concordo de forma alguma com essas críticas, pois sempre treinamos com alta intensidade. Além disso, o Flamengo possui um departamento altamente qualificado, com profissionais competentes, onde monitoramos constantemente nossos treinamentos", afirmou o preparador físico.


"E, em segundo lugar, acredito que isso seja uma forma dele fugir às suas responsabilidades, sempre atacando a preparação física", acrescentou.


Vale ressaltar que antes de integrar a comissão técnica de Vítor Pereira, Monteiro fez parte do ciclo vitorioso de Jorge Jesus na Gávea, entre 2019 e 2020.


Segundo o profissional português, ele não fez nada de diferente com Vítor Pereira em comparação com os tempos do Mister.


"É importante lembrar que o preparador físico que ajudou o Flamengo a conquistar tudo em 2019 é o mesmo preparador físico desta última passagem. É preciso destacar que o grupo é excelente, não tenho nada a apontar para ninguém. Nem sempre as circunstâncias da vida nos permitem alcançar os mesmos resultados", ressaltou.


"Nós não vencemos por várias razões. Quando algo não está certo, nunca há apenas um culpado. Isso é o mais importante. Quando vencemos, ninguém vence sozinho. Quando perdemos, ninguém perde sozinho", prosseguiu.


"Eu continuo vivendo no Brasil como um carioca e como um flamenguista. Eu assumo minhas responsabilidades. Todos nós, juntos, devemos entender o problema e assumir o compromisso", concluiu.


A declaração de Mário Monteiro vem em meio a uma fase conturbada no Flamengo, com críticas públicas e troca de farpas entre membros da comissão técnica. Resta saber como essas divergências serão superadas e como isso poderá afetar o desempenho da equipe em campo.

Continue lendo 

Tags

#buttons=(Aceitar!) #days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saiba mais
Accept !