VAR deixa Jogador Desacordado e Gera Polêmica em Jogo do Flamengo contra Atlético-MG

Cassia Marinho

Flamengo e Atlético-MG se preparam para um confronto decisivo neste sábado (29) pelo Brasileirão, em uma partida cheia de expectativas, mas também cercada por polêmicas e preocupações com a arbitragem. O Mais Querido enfrenta o adversário fora de casa, na Arena Independência, em Belo Horizonte, e busca uma vitória para retomar a vice-liderança do campeonato. No entanto, a equipe carioca tem motivos para se preocupar com a escolha da arbitragem para esse jogo.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) já divulgou a equipe de árbitros que irão comandar o duelo. Flávio Rodrigues de Souza será o árbitro principal, auxiliado por Nailton Junior de Sousa Oliveira e Evandro de Melo Lima. Na cabine do VAR, estará Thiago Duarte Peixoto, cuja atuação recente gerou polêmica.

Na quarta rodada do campeonato, o Flamengo enfrentou o Athletico-PR na Ligga Arena. Após abrir o placar, a equipe carioca sofreu o empate, mas o lance mais polêmico aconteceu no gol que deu a virada ao Athletico. Vitor Roque, autor do gol, deu uma joelhada no goleiro Santos antes de marcar. O impacto foi tão forte que Santos caiu desacordado no gramado, sendo necessário substituí-lo.

A revolta do Flamengo foi ainda maior ao perceber que o árbitro do jogo, Raphael Klaus, validou o gol sem sequer analisar o lance no VAR. Thiago Duarte Peixoto, responsável pela arbitragem de vídeo na partida, também não sinalizou para o juiz de campo sobre a irregularidade. Essa omissão resultou em uma derrota injusta para o Flamengo, que deixou Curitiba sem somar pontos no Brasileirão.

continue lendo

#buttons=(Aceitar!) #days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saiba mais
Accept !