Herói do título, Rodinei diz que sentiu vontade de ir ao banheiro antes de converte o pênalti que deu o título ao Flamengo


Responsável pela cobrança de pênalti que deu o título da Copa do Brasil ao Flamengo diante do Corinthians, o lateral Rodinei ressaltou a reviravolta que deu com a camisa da equipe carioca.


"Acredito muito no trabalho. O que vivi sete anos neste clube não foi fácil: muita desconfiança e muitas críticas", iniciou ele.

"Mas soube levar com naturalidade e sabia que só o trabalho mudaria isso. Não é fácil um jogador ficar em um clube tanto tempo. Hoje foi um dia que o papai do céu reservou para mim", prosseguiu Rodinei.

Questionado sobre o nervosismo na hora de bater a sua penalidade, o lateral exaltou a qualidade de Cássio, goleiro do Corinthians,

"A gente pensa que é fácil essa caminhada até a bola, mas não. Ainda mais diante do Cássio, um dos melhores goleiros do Brasil. [...] Nosso time mereceu, foi um jogo dificílimo, mas a nação merece. Quando fiz o gol não sabia o que fazer, corri pra torcida", brincou o jogador.

Após receber a medalha de campeão e erguer a taça com os demais companheiros de elenco. o lateral também falou em tom de brincadeira sobre os momentos que antecederam a sua cobrança de pênalti. "Quando o Vital errou, eu fui tranquilo. Fui tranquilo, sim... Fui com vontade de virar a direita e ir para o banheiro", disse aos risos.
Postagem Anterior Próxima Postagem

Join